Competência profissional, saúde e auto estima

 

Trabalhar não é fácil, requer doses reforçadas de automotivação e energia vital. Mas, manter-se empregável em um mundo do trabalho veloz, mutante e repleto de novas exigências requer um esforço descomunal. As empresas querem profissionais competentes e as pessoas querem empresas que valorizem seus  talentos. Muitas vezes essas expectativas não estão alinhadas porque as partes estão falando linguagens diferentes.

márcia - ávila - gente - e - ideias

Um profissional extremamente competente, muitas vezes, não se adapta ao clima organizacional de uma empresa que se considera inovadora. Outras vezes a empresa entende competência como comprometimento submisso e por aí vai. Saber definir competência profissional é muito importante para alinhar expectativas. Então vamos lá: competente profissionalmente é uma pessoa que tem conhecimentos para exercer determinada função, sabe se comunicar, gosta do que faz, possui desenvoltura para aprender novas tecnologias e quer trabalhar.

“Se você negligenciar seu talento, omite seu potencial e, como consequência, está impedindo a expansão da vida”, diz Jacob Pétry em seu livro “Óbvio que Ignoramos”. De acordo com o neurofisiologista e consultor empresarial, Eugênio Mussak, um dos fatores mais importantes da competência é a boa saúde. Parece óbvio, mas para muita gente não é! Inúmeros profissionais negligenciam sua saúde com péssima alimentação, baixa qualidade de sono e uma total falta de atenção para com seu corpo, seus pensamentos e suas crenças.

“Quem aprende de modo constante, ágil, disposto e previdente possui uma vantagem profissional diante dos outros. Estamos entrando na era dos autodidatas”, lembra Donald Asher, autor do polêmico livro “Quem é promovido, quem não é e por quê – Gestão Estratégica de Carreira”. Então fica a dica: cuide de sua mente, seu corpo e seu espírito. Tenha uma visão holística e desenvolva seus talentos todos os dias. Essa é a única maneira de se manter “vivo” no mercado de trabalho.

 

* Texto: Márcia Ávila (jornalista, publicitária e palestrante)

Facebookmail

Um comentário sobre “Competência profissional, saúde e auto estima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *