20
jan

A atenção é um artigo de luxo!

 

O fenômeno da economia da atenção tem origem na sobrecarga de informações.

Você sabia que mais de 400 horas de vídeo sobem por minuto no YouTube?

Isso sem falar nos milhões de tuítes por segundo e sem contar o fluxo de mensagens por e.mail e as notícias que circulam.

E as redes sociais?

Os brasileiros somam mais de 130 milhões de usuários no Facebook.

Atualmente o Brasil ocupa a segunda posição no ranking global de número de usuários do  Instagram, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. (o mercado brasileiro conta com 66 milhões de perfis).

Imagina aí: o volume de informações jorrando desses canais!

Para processar esse mar de conteúdos ficamos em estado de constante atenção.

Como filtrar o que é relevante para a nossa vida?

Como focar no que realmente interessa para o nosso trabalho?

As empresas estão frenéticas, entram em guerra por alguns segundos de atenção para vender produtos e serviços.

Quanto mais informação, mais difícil é manter o foco!

“Hoje em dia, atenção é a verdadeira moeda de negócios e indivíduos”, diz Thomas Davenport, autor do livro “A Economia da Atenção”.

A atenção se tornou um artigo de luxo.

Exatamente aí é que reside o poder do Marketing de Conteúdo!